Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O RAPAZ DAS ILHAS

13
Jun18

Sê quem realmente és

 

É um dos vídeos mais inspiradores que vi nos últimos tempos. De facto, vivemos numa sociedade demasiado «formatada» e muitas vezes deixamos de ser quem somos para sermos «bons» aos olhos dos outros, que é o maior erro que podemos cometer. O que os outros pensam é com eles, nós só temos que ser quem realmente somos, é simples. Agradar pelo que se é, não pelo que se aparenta ser. 

22
Abr18

Chegou ao fim…

DIREITOS RESERVADOS

 

Depois de 6 meses de aprendizagem, crescimento e descoberta de novos interesses, terminou na quinta-feira uma das melhores formações que já fiz, o Curso de Apresentador de TV e Rádio, na World Academy. Nunca o confessei, mas no dia em que começou o curso, já depois de passado na entrevista de seleção e inscrito, ainda pensei se valeria mesmo a pena e estive prestes a não ir. Hoje só tenho que agradecer, seja a que santo for, por não ter dado essa cabeçada. Tinha perdido a sério.

 

18
Abr18

O digital não é o futuro

 DIREITOS RESERVADOS

 

Já não vivemos sem um smartphone, essa ideia é indiscutível nos dias de hoje, principalmente para quem vive em zonas urbanas. Esse aparelho que cabe no bolso das calças continua a fazer e receber chamadas e mensagens (e também nisso está diferente, quem é que atualmente envia mais SMS do que mensagens pelo Messenger ou Whatsaap, por exemplo?), mas dá-nos bem mais do que isso. Hoje com um smartphone podemos criar um cartão de crédito, chamar um carro para nos levar a um local (Uber, por exemplo), ler, ver ou ouvir notícias, procurar por um restaurante perto do local onde estamos (ainda no sábado fiz isso) ou até mesmo comprar um bilhete de avião. Boa parte da nossa vida já se resolve com este aparelho.

 

 

03
Abr18

71 anos de história, quase 6 comigo!

COPYRIGHT: O RAPAZ DAS ILHAS

(Emissão Especial: Festa Campera RCA - 71 anos)

 

Hoje uma das instituições que mais merece o meu respeito completa 71 anos de vida, o Rádio Clube de Angra. Esta estação de rádio, com emissão no meio do atlântico, é já uma senhora, mas que me deixa trata-la por tu, felizmente. Corria o ano de 1947 quando doze sonhadores deram arranque à “voz da Terceira” (e dos Açores), nem os meus avós eram nascidos (são novos, também é verdade). Estávamos em meados de 2012 (dia 23 de junho, precisamente) quando tive a oportunidade de me juntar à sua história. E que honra é para mim ter começado, ter saído e voltado e hoje estar todos os dias, num horário simpático num dos órgãos de comunicação social dos Açores.

 

22
Mar18

Comerciaaaal!

COPYRIGHT: O RAPAZ DAS ILHAS

 

Podemos ouvir na casa, no carro ou em qualquer outro lado, mas ouvir Comercial na Comercial é outra história, desculpem lá. E não é por ser fixe podermos dizer aos nossos amigos digitais que lá estivemos e tiramos muitas fotos com a malta famosa da rádio, é porque o ambiente é outro e para quem possa ter menos prática nestas andanças ver a máquina a funcionar tem outra graça, dá outra visão. Sou uma tentativa de locutor há quase seis anos e vibrei a assistir ao “Já se faz tarde”, da Joana Azevedo e do Diogo Beja, ao vivo. Rádio é rádio e em direto então nem se fala.  

 

 

12
Mar18

“Não vais conseguir, nem vale a pena tentares!”

DIREITOS RESERVADOS

 

Para além de estudar no ISCSP durante o dia e à noite na World Academy, ainda consigo assistir a uma conferência aqui e um debate ali de quando em vez. Até porque é movimento que se quer, estar parado é aborrecido e faz com o cérebro ganhe gordura – estou a delirar. Ontem participei na Jornada da Comunicação (“Os media, por quem sabe”), promovida pela ETIC.

 

 

28
Fev18

No meu tempo é que se jogava futebol!

DIREITOS RESERVADOS

 

Se o futebol português fosse como o que eu jogava na escola primária com os meus amigos era limpinho, limpinho. As regras eram claras, o jogadores de topo – e com amor à camisola, que nem existia –, o jogo era só dentro de campo – de cimento, ainda por cima –, o árbitro nunca se enganava ou roubava – até porque não existia – e o melhor de tudo é que a baliza era sempre ocupada por um guarda-redes praticamente da sua largura – durante um curto espaço de tempo fui esse ser amável e mal tratado. A única coisa menos boa é que, raras vezes, havia porrada, mas nada de grave e quando acabava eramos todos amigos outra vez.

 

 

29
Jan18

Stories de uma noite de estudo…

 DIREITOS RESERVADOS

 

Estudar é das coisas mais difíceis que faço. Conseguir concentrar-me para decorar matéria é das negociações mais chatas da minha vida…é que o meu cérebro acha que manda nisto tudo sozinho e nunca me ouve. Mas lá me vou safando, na medida do possível.

 

 

Segue-me nas redes

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

2 dedos de conversa

2 Dedos de Conversa com Vítor Moura

Vítor Moura em 2 Dedos de Conversa 😮🎥 Segue O RAPAZ DAS ILHAS aqui: > Blog: https://bit.ly/2JJrl4W > Instagram: https://bit.ly/2r99Rbh (@orapazdasilhas) > Youtube: https://bit.ly/2EuIjRw Vê o último 2 Dedos de Conversa, com Patrícia Matos, aqui: https://bit.ly/2JHZJwQ * Para melhor visualização do vídeo deves ativar a definição HD

Publicado por Rodrigo Pereira em Domingo, 27 de Maio de 2018

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D